top of page

Por Que Você Precisa de um Advogado dos EUA Licenciado para Sua Aplicação EB-2 NIW

O processo de solicitar um visto EB-2 National Interest Waiver (NIW) pode ser complexo e requer atenção meticulosa aos detalhes. Alguns indivíduos podem considerar usar os serviços de paralegais ou consultorias para lidar com suas aplicações EB-2 NIW na tentativa de economizar custos. No entanto, é importante entender os potenciais riscos associados a essa decisão. Engajar os serviços de um advogado licenciado dos EUA especializado em direito de imigração é altamente recomendado devido às seguintes razões convincentes:


1. Conhecimento Jurídico Profundo:

Advogados licenciados dos EUA possuem um amplo conhecimento das complexidades do direito de imigração, incluindo os requisitos específicos e padrões para a categoria EB-2 NIW. Eles estão familiarizados com os procedimentos legais complexos e podem fornecer orientação precisa e atualizada adequada às suas circunstâncias específicas. Paralegais ou consultorias podem não possuir o mesmo nível de expertise legal e podem negligenciar detalhes críticos que podem impactar o sucesso de sua aplicação.


2. Estratégia de Caso Personalizada:

Cada aplicação EB-2 NIW é única, e um advogado licenciado dos EUA pode desenvolver uma estratégia de caso personalizada com base em suas qualificações, experiência de trabalho e realizações. Eles podem avaliar os pontos fortes e fracos do seu caso, identificar desafios potenciais e desenvolver soluções eficazes. Paralegais ou consultorias frequentemente carecem do treinamento jurídico necessário para fornecer conselhos personalizados e podem adotar uma abordagem única que pode não abordar adequadamente suas circunstâncias específicas.


3. Compilação e Apresentação de Documentos:

A aplicação EB-2 NIW exige uma documentação meticulosa e apresentação de evidências para comprovar habilidades excepcionais ou status de diploma avançado e estabelecer o interesse nacional do seu trabalho. Advogados licenciados dos EUA têm a experiência para reunir a documentação necessária, garantir sua precisão e completude, e apresentar um caso convincente que atenda aos requisitos do USCIS. Paralegais ou consultorias podem não compreender os requisitos específicos de evidência e podem não preparar adequadamente a aplicação, o que pode levar a uma negação.


4. Comunicação e Representação:

Um advogado licenciado dos EUA pode se comunicar eficazmente com o USCIS em seu nome. Eles podem responder a qualquer solicitação de evidência adicional, responder a perguntas e representar seus interesses durante todo o processo de aplicação. Paralegais ou consultorias podem não estar autorizados a se envolver em comunicação legal, limitando sua capacidade de advogar por você de forma eficaz.


5. Mitigação de Riscos e Evitar Fraudes:

Engajar um advogado licenciado dos EUA oferece uma camada adicional de proteção contra práticas fraudulentas. Advogados licenciados estão sujeitos a padrões éticos e supervisão disciplinar. Eles devem agir em seu melhor interesse, manter a confidencialidade e aderir às regras de conduta profissional. Paralegais ou consultorias podem não estar sujeitos ao mesmo nível de regulamentação e supervisão, aumentando o risco de comportamento antiético ou fraude.


Ao buscar um visto EB-2 NIW, confiar seu caso a um advogado licenciado dos EUA é fundamental para maximizar suas chances de sucesso. Sua expertise jurídica, orientação personalizada, habilidades de preparação de documentos, representação e adesão a padrões éticos podem significativamente reforçar sua aplicação. Investir em assessoria jurídica profissional garante que sua aplicação seja tratada com competência, reduzindo riscos e aumentando a probabilidade de um resultado favorável.


Pronto para Iniciar sua Jornada EB-2 NIW? Entre em contato com a Pinho Law hoje mesmo para obter a orientação especializada que você precisa para um processo de aplicação bem-sucedido. Nossos advogados licenciados dos EUA estão aqui para ajudar você a alcançar seu objetivo de imigração com confiança e segurança.

7 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page